Cisto Pilonidal: O que é, Causas, Sintomas, Tratamentos e Prevenção!

Também chamada de: Abscesso pilonidal, um cisto pilonidal é uma bolsa anormal na pele que geralmente contém cabelo e restos de pele. Um cisto pilonidal é quase sempre localizado perto do cóccix no topo da fenda das nádegas. Cistos pilonidais geralmente ocorrem quando o cabelo perfura a pele e, em seguida, torna-se incorporado. Se um cisto pilonidal for infectado, o abscesso resultante é muitas vezes extremamente doloroso. O cisto pode ser drenado através de uma pequena incisão ou removido cirurgicamente.

Os cistos pilonidais ocorrem mais comumente em homens jovens, e o problema tem uma tendência a se repetir. Pessoas que se sentam por períodos prolongados, como caminhoneiros, correm um risco maior de desenvolver um cisto pilonidal.

O que é um Cisto Pilonidal:

Um cisto pilonidal é um saco cheio de detritos e pêlos que ocorre na área no topo da prega das nádegas que recobre o cóccix (sacro). Este cisto e a pele sobrejacente na área podem ser infectados, formando um abscesso doloroso.

Causas de Cisto Pilonidal:

A causa exata dos cistos pilonidais não é clara. Mas a maioria dos cistos pilonidais parece ser causada por pelos soltos que penetram na pele. Fricção e pressão – esfregar a pele contra a pele, roupas apertadas, andar de bicicleta, longos períodos de postura ou fatores semelhantes – forçam o cabelo a entrar na pele. Respondendo ao cabelo como uma substância estranha, o corpo cria um cisto ao redor do cabelo.

Essa explicação explica casos raros de cistos pilonidais que ocorrem em partes do corpo que não são próximos ao cóccix. Por exemplo, barbeiros, depiladores e tosquiadores de ovelhas desenvolveram cistos pilonidais na pele entre os dedos.

Sintomas de Cisto Pilonidal:

Quando está infectado, um cisto pilonidal se torna uma massa inchada (abscesso). Sinais e sintomas de um cisto pilonidal infectado incluem:

  • Dor;
  • Vermelhidão da pele;
  • Drenagem de pus ou sangue de uma abertura na pele;
  • Mau cheiro de drenagem pus.

Quando ver um Médico:

Se você notar quaisquer sinais ou sintomas de um cisto pilonidal, consulte o seu médico. Ele ou ela pode diagnosticar a condição examinando a lesão.

Preparando-se para sua consulta:

É provável que você comece vendo seu médico de cuidados primários. Em alguns casos, quando você ligar para marcar uma consulta, você pode ser encaminhado imediatamente a um dermatologista ou a um cirurgião.

O que você pode fazer:

Antes da sua consulta, você pode escrever uma lista que responda às seguintes perguntas:

  • Quando seus sintomas começaram?
  • Você já experimentou esse problema antes?
  • Alguma coisa melhora seus sintomas?
  • O que, se alguma coisa, parece piorar seus sintomas?
  • Quais medicamentos ou suplementos você toma regularmente?

O que esperar do seu médico:

O seu médico provavelmente fará várias perguntas, incluindo:

  • Você está com febre?
  • A dor está mantendo você acordado à noite?
  • Qual é a tua ocupação? Você senta o dia todo?

Fatores de Risco de Cisto Pilonidal:

Certos fatores podem torná-lo mais suscetível ao desenvolvimento de cisto pilonidal, como:

  • Sexo masculino;
  • Idade mais jovem (os cistos pilonidais são mais comuns em pessoas na faixa dos 20 anos);
  • Obesidade;
  • Excesso de pêlos no corpo;
  • Cabelo duro ou grosso.

Complicações de Cisto Pilonidal:

Se um cisto pilonidal cronicamente infectado não é tratado adequadamente, você pode estar em risco ligeiramente aumentado de desenvolver um tipo de câncer de pele chamado carcinoma de células escamosas.

Tratamento de Cisto Pilonidal:

O tratamento inicial para um cisto pilonidal infectado é geralmente um procedimento que pode ser realizado no consultório do seu médico. Depois de entupir a área com uma injeção, o médico faz uma pequena incisão para drenar o cisto. Se o cisto pilonidal se repetir, o que geralmente acontece, você pode precisar de um procedimento cirúrgico mais extenso que remova o cisto completamente.

Após a cirurgia, seu médico pode optar por:

  • Deixe a ferida aberta. Nesta opção, a ferida cirúrgica é deixada aberta e cheia de curativos para permitir que ela se cure de dentro para fora. Este processo resulta em um tempo de cicatrização mais longo, mas geralmente um risco menor de uma infecção recorrente por cisto pilonidal.
  • Feche a ferida com pontos. Embora o tempo de cura seja menor com essa opção, há um risco maior de recorrência. Alguns cirurgiões fazem a incisão ao lado da fenda das nádegas, onde a cura é particularmente difícil.

O cuidado com feridas é extremamente importante após a cirurgia. Seu médico ou enfermeiro lhe dará instruções detalhadas sobre como trocar curativos, o que esperar de um processo normal de cura e quando ligar para o médico. Você também pode precisar se barbear em torno do local da cirurgia para evitar que os cabelos entrem na ferida.

Prevenção de Cisto Pilonidal:

Para ajudar a evitar cistos pilonidais, tente:

  • Mantenha a área limpa
  • Perder peso, se necessário
  • Evite ficar sentado por muito tempo

Se você já teve cistos pilonidais no passado, pode ser que você queira depilar regularmente a área ou usar produtos de depilação para reduzir o risco de recorrência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que Fazer Para Clarear os Dentes!

Clamídia: O que é, Causas, Sintomas, Tratamentos e Prevenção!