Cranberry – Origem, Nutrientes, Benefícios e Efeitos Colaterais

De nome científico Vaccinium, o cranberry também conhecido por oxicoco, arando vermelho, mirtilo-vermelho ou airela é uma frutinha que pertence ao famoso grupo das frutas vermelhas. A sua origem se dá no norte dos Estados Unidos e no Canadá. Apesar de ter ganho espaço no paladar dos brasileiros, o cranberry não é muito fácil de se encontrar. O mais comum é que essas frutinhas cheguem ao nosso país como suco, polpa, em pó ou em cápsulas. Isso porque ela não se adapta ao clima do país. Ela é uma planta rasteira e perene. Pode produzir por até 100 anos, pois floresce uma vez por ano. Após a plantação, leva-se um tempo de 3 a 4 anos até a primeira colheita. Com o passar do tempo, a produtividade cresce. Nos primeiros anos, é comum um número menor de quilos de cranberry por hectare mas, a partir do sexto ano, a colheita pode chegar a 30 mil quilos.

Essa fruta também acrescenta beleza às paisagens. As plantações de cranberry na cordilheira dos Andes, no Chile, por exemplo, são famosas pela cor vermelha espalhada pelas cranberries. Podemos dizer, também, que essa fruta é muito hidratada. As suas plantações rasteiras necessitam de muita água. Muita mesmo. Então, para saber um pouco mais sobre o cranberry continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre esse incrível fruto. Vamos lá?!

Origem do Cranberry:

O cranberry é uma pequena fruta de uma planta nativa com origem nos Estados Unidos. Por suas propriedades terapêuticas, é bastante difundida na América do Norte. No Brasil, é encontrada na forma de suco ou fruta seca.

Cranberry

Valor Nutricional do Cranberry:

A tabela a seguir traz a informação nutricional para 100 g:

Agora que já conhecemos os nutrientes, conheça também os benefícios para a saúde.

Benéficos do Cranberry:

Entre os benefícios para a saúde, podemos citar:

Trata Doenças Cardiovasculares:

A cranberry é capaz de reduzir os riscos de doenças cardiovasculares graças aos seus altos níveis de polifenóis que agem prevenindo o acúmulo de plaquetas e diminuindo a pressão arterial com ações anti-inflamatórias.

Elimina Infecções no Trato Urinário:

Por ter altos níveis de proantocianidinas, a cranberry se mostra muito eficiente na resolução de problemas de infeção no trato urinário. Ajudam a reduzir a permanência de bactérias que causam infecções.

Melhora a Saúde Bucal:

Assim como as proantocianidinas ajudam no trato urinário, auxiliam e beneficiam também a saúde da boca, impedindo a proliferação de bactérias que podem causar mazelas como cáries ou mesmo gengivite.

Ajuda na Prevenção de Câncer:

Por sua composição de elementos, a cranberry é capaz de desacelerar o crescimento de tumores que podem causar câncer de mama, ovários, próstata e especialmente de cólon. Seu consumo diário é incentivado.

Trata Constipação:

Como vimos, as cranberrys são ricas em fibras. Isso significa que é possível obter ótimos benefícios através da ingestão desta fruta para tratar casos de desordem do sistema intestinal, como a constipação.

Previne o Envelhecimento Precoce:

Por serem ricas em ácido ascórbico (ou vitamina C), a cranberry é uma excelente auxiliar na prevenção do envelhecimento precoce, pois luta contra os radicais livres. Além disso, a alta quantidade de vitamina C presente em uma porção de cranberry é o suficiente para prevenir resfriados e gripes. Esses benefícios são reforçados também pela presença da vitamina E.

Onde Encontrar o Cranberry:

No Brasil é mais dificil encontrar a fruta in natura , porém nas versões congeladas e secas é um pouco mais fácil o suco de cranberry também pode ser usado e podem ser encontrados em supermercados, lojas de produtos naturais e feiras orgânicas. A versão em cápsula (extrato) é frequentemente recomendada por nutricionistas e ginecologistas por serem mais fácil de administrar em altas doses.

Cranberry Emagrece?

A cranberry pode contribuir para o emagrecimento, mas não podemos dizer que somente o consumo dessas frutinhas possuem um efeito milagroso na busca da perda de peso. Acredita-se que esse mito em torno das cramberries surgiu com um estudo realizado no Canadá, pelo Congresso Cardiovascular Canadense. A pesquisa analisou os efeitos do suco da fruta em pessoas com o colesterol elevado. O que aconteceu para essas pessoas foi uma diminuição dos níveis de gorduras ruins no sangue. Consequentemente, algumas delas perderam também certo peso.

Os efeitos positivos da fruta estão mais relacionados aos benefícios que provocam na redução de doenças vasculares do que ao emagrecimento em si. Contudo, devemos reforçar que a cranberry proporciona muitos benefícios e tê-la dentro da dieta, certamente, é de suma importância. Perder peso com essas frutinhas vermelhas deve ser considerado quando a pessoa também leva uma vida mais saudável e com práticas de exercícios físicos.

Como Consumir Cranberry:

Ainda não são todos os mercados que vendem cranberry em sua forma natural no Brasil. Isso ocorre porque a fruta continua a ser importada na maioria dos casos devido à sua difícil adaptação climática para plantio.

Muito comumente será vendida como suco ou mesmo em forma de fruta seca (desidratada). Seus benefícios podem ser obtidos seja comendo a fruta diretamente in natura, desidratada, em suco ou através de seu pó em cápsulas.

Caso opte por adquirir o suco, certifique-se de adquirir a polpa natural sem conservantes ou qualquer outro aditivo. Caso consiga comprar a fruta, é possível preparar um suco simples e fácil que trará todos os benefícios.

Suco de Cranberry:

Ingredientes:

  • 1 copo (250ml) cheio de cranberry
  • 1 copo de água (250ml)
  • 1 colher de mel

Modo de Preparo:

  • Adicione a cranberry e a água a um liquidificador e bata por 15 segundos
  • Em seguida, coloque o suco batido em um copo e adicione a colher de mel
  • Basta beber. Recomenda-se uma vez ao dia pela manhã.

Geleia de Cranberry:

Ingredientes:

  • 350g de cranberry fresca
  • 1/2 xícara de suco de laranja espremido na hora
  • 1/2 xícara de açúcar
  • 1/2 xícara de água
  • 2 colheres (chá) de canela em pó

Modo de Preparo:

  • Coloque todos os ingredientes em uma panela e deixe ferver por 12 minutos, mexendo eventualmente.
  • Desligue o fogo e leve a geleia à geladeira por 30 minutos antes de servir.

Contraindicações do Cranberry:

O consumo é seguro para a maior parte das pessoas, desde que a ingestão não ultrapasse a quantidade diária recomendada (480 ml). Para gestantes e mulheres no período de aleitamento só não é recomendada a ingestão de suplementos de cranberry, pois não se sabe se eles são seguros para este público, por não ter ainda estudo que comprovem sua segurança no uso e na quantidade.

Efeitos Colaterais do Cranberry:

Beber muito suco pode causar dor de estômago e diarreia leve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Coco – Origem, Nutrientes, Benefícios e Efeitos Colaterais

Cupuaçu – Origem, Nutrientes, Benefícios e Efeitos Colaterais